Jornal "Avé Maria" - Nº 2612 (Semanário) - Vila Real - 29 de Maio 2011

5º Bispo de Vila Real

Criada em 20.04.922, a Diocese de Vila Real tem novo Bispo, o senhor D. Amândio José Tomás.

Nasceu em Cimo de Vila, Chaves, a 23.04.943; padre em 15.08.967, estudou no Seminário de Vila Real e, depois, na Universidade Gregoriana, em Roma, onde obteve licenciaturas em Teologia Dogmática e Bíblica.

Foi professor de Dogmática no Seminário de Lamego e, depois, no do Porto onde acompanhou os nossos seminaristas maiores. Ao longo de 20 anos foi Reitor do Colégio Português, em Roma. È daí que João Paulo II o chama, em 05.10.2001 para Bispo Auxiliar de Évora, e que lhe conferirá, em 06.01.2002, a Ordem Episcopal na Basílica de S. Pedro.

Em 08.01.2008, Bento XVI nomeou-o Bispo Coadjutor de Vila Real, de que veio a tornar-se titular no passado dia 17.

Homem simples e culto, de diálogo e próximo das pessoas… a Diocese agradece ao Senhor tão grande dom e Lhe suplica que sempre O ilumine e ampare.

*****

Diz a Sagrada Escritura:
«Vou fazer de ti a luz das nações, a fim de que a Minha salvação chegue até aos confins da terra(Is 49, 6)

Jornal "Avé Maria" - Nº 2611 (Semanário) - Vila Real - 22 de Maio de 2011

Dom Joaquim Gonçalves

Está a chegar ao fim o seu pontificado. [Já chegou.] Nomeado Bispo Coadjutor em 19.05.987, a 19.01.91 tornou-se o 4º Bispo de Vila Real.

Aos 75 anos todos os Bispos devem pedir ao Santo Padre a dispensa do serviço pastoral. O senhor D. Joaquim já o fez, esperando agora pela resposta de Bento XVI. [A resposta já chegou: o Santo Padre dispensou o senhor D. Joaquim do serviço pastoral e nomeou Bispo de Vila Real o, até agora, Bispo Coadjutor, D. Amândio Tomás.]

A ocasião é, pois, propícia para agradecermos ao Senhor o Pastor que nos deu e a sua entrega como testemunha fiel do Evangelho entre nós.

Não é possível, em tão pequeno espaço, lembrar a sua acção: a sensibilidade litúrgica – não há dúvida de que hoje celebramos melhor, a preocupação constante pelo presbitério e seminário, pela renovação da Igreja e vivência do Evangelho, pela formação dos leigos e defesa da família, servindo-se também, semana a semana, de “A Voz de Trás-os-Montes” e deste Boletim para que a sua palavra chegasse mais longe.

Senhor D. Joaquim, o nosso muito obrigado.

*****

Diz a Sagrada Escritura:
«Lembrai-vos dos vossos guias, que vos pregaram a palavra de Deus; observai o êxito da sua conduta e imitai a sua fé. Jesus Cristo é o mesmo, ontem, hoje e pelos séculos.» (Heb. 13, 7-8)

*****

A luz suave do arrebol
E a do dia que termina
Provém do mesmo Sol,
A espelhar a luz divina

Se a luz nova conhecemos
E a que passou brilha ainda,
Uma não esqueceremos
E a outra seja bem-vinda.

"Deus precisa de nós"

A propósito do título e do teor do texto publicado no post anterior, “Deus precisa de nós”, nunca será demais lembrar que a intervenção de Deus na nossa vida pode ser de forma directa – e assim acontecem os milagres! – ou por acção (colaboração comprometida) de todos os que continuam, ainda hoje, a testemunhar a Boa Nova de Jesus, fazendo – na medida do que lhes é humanamente possível - o que Ele fazia durante a Sua vida na terra: estando presente no meio dos homens, das mulheres e das crianças, e atento aos seus problemas, em especial aos dos mais pobres e desfavorecidos.

É neste sentido que transcrevemos o seguinte texto, da autoria de Gregory Corrigan, retirado do Almanaque Popular de 2004:

«O homem caminhou pelas ruas da cidade. Viu mendigos, aleijados, infelizes. Como não conseguia mais conviver com tanta miséria, clamou aos Céus:

- Deus, como podeis amar tanto o ser humano, e ao mesmo tempo não fazer nada por quem está sofrendo?

- Eu fiz alguma coisa por eles – disse Deus. Eu criei-te! »

Jornal "Avé Maria" - Nº 2609 (Semanário) - Vila Real - 8 de Maio de 2011

Deus precisa de nós

Começa hoje [8 de Maio] a Semana de Oração pelas Vocações Consagradas. Neste Semana poderemos tomar mais consciência de que Deus nos chama a descobrirmos o amor sem limites que tem por nós, um amor que exige resposta. Qual? É o mistério de Deus e da consciência de cada um. Cada um é chamado a descobrir o seu caminho: família, vida consagrada, compromissos sociais… Podemos responder de mil maneiras, onde estamos colocados.

Alguns homens e mulheres recebem um convite particular: a servir o evangelho, isto é, a testemunhar o seu amor consagrando-se ao serviço da comunidade cristã, ao anúncio da Boa Nova onde ela ainda não é conhecida, à oração contemplativa, à vivência da radicalidade do Evangelho. Não são seres excepcionais mesmo que a sua aventura o seja.

Deus precisa de nós e todos podem ser chamados. Ele tem necessidade de nós porque os homens e as mulheres de hoje têm necessidade d’Ele.

*****

Diz a Sagrada Escritura:
«Ide por todo o mundo. Anunciai o Evangelho a toda a gente(Mt. 16, 15)

*****

Porque às mães dais um só dia?
Tomai presentes a rodos,
Aqueles de mais valia,
E dai-lhos nos dias todos.

Quem tem ainda o carinho
De sua extremosa mãe,
Mesmo sendo pobrezinho,
Não lhe falta o maior bem.

Beatificação da Venerável Maria Clara do Menino Jesus

Beatificação da Venerável Maria Clara do Menino Jesus

21 de Maio de 2011 – Estádio do Restelo – Lisboa

Vai realizar-se no próximo dia 21 de Maio, a partir das 10h30, no Estádio do Restelo, em Lisboa, a celebração litúrgica da Beatificação da Venerável Maria Clara do Menino Jesus, fundadora da Congregação das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras da Imaculada Conceição.

O Programa vai ser o seguinte:

Tríduo de preparação

18 de Maio – 21h30 – Igreja Paroquial – Queijas
19 de Maio – 21h30 – Igreja da Senhora do Amparo – Benfica
20 de Maio – 21h30 – Solene Vigília – Igreja de Santa Maria de Belém (Mosteiro dos Jerónimos) – Lisboa

Celebração – Estádio do Restelo – 21 de Maio

09h00 – Abertura do Estádio
10h30 – Início da celebração
11h00 – Eucaristia da Beatificação
15h00 – Livre visita ao Túmulo da Beata Maria Clara do Menino Jesus (Rua Madre Maria Clara, 1 – Linda-a-Pastora – Queijas)

Nota: Se alguma vez já visitou o Túmulo da Madre Maria Clara, permita que esta tarde fique disponível para os que nunca ali estiveram e gostariam de não perder esta possibilidade.

Acção de Graças – 22 de Maio – Sé de Lisboa

11h30 – Eucaristia de Acção de Graças

**********

Oração para pedir a Canonização da Madre Maria Clara do Menino Jesus

Santíssima Trindade, Pai Filho e Espírito Santo, para Vossa maior honra e glória, bem da Igreja e do mundo, dignai-Vos glorificar na terra a Vossa serva Madre maria Clara do Menino Jesus, que em vida tanto se dedicou a cuidar dos pobres., das crianças e de todos os que sofrem.

Revesti-a, Deus de Bondade, da auréola de glória que resplandece na fronte de todos quantos a Santa Igreja nos propõe como modelos de virtude a imitar, e ouvi as súplicas que, por seu intermédio Vos dirigimos, concedendo-nos a graça que Vos pedimos.

A Vós toda a honra e toda a glória, pelos séculos dos séculos. Ámen.

Pai Nosso… Avé Maria… Glória…

(Com aprovação eclesiástica)

Comunicar as graças recebidas para:
SECRETARIADO MADRE MARIA CLARA
Rua Madre Maria Clara, nº1 – Linda-a-Pastora
2790-379 QUEIJAS – PORTUGAL
Tel: 21 424 18 40 | Fax: 21 424 18 53

**********

Oração para pedir Curas

Mãe Clara, pelo amor que tiveste a Jesus Eucaristia e para glória do Seu Santíssimo nome, pela filial confiança em Maria, a Mãe das Dores, e para exaltação da sua Conceição Imaculada, suplico-vos que rogueis pela cura de … (nome) e atendei as preces de quantos pedem a vossa intercessão, junto de Deus.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo… (3 vezes)


(Com aprovação eclesiástica)

**********

Coroa de louvores a Deus

São 56 “glórias” em louvor da Santíssima Trindade, pelos 56 anos de vida de Madre Clara do Menino Jesus.

Usando a coroa de 7 x 8 glórias – nas contas grandes:

A Vós toda a honra e toda a glória, pelos séculos dos séculos.

Nas contas pequenas: Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Ámen.

Concluir, dizendo 3 vezes: A Vós toda a honra e toda a glória…

(Poderá, também, usar o terço, perfazendo as 56 glórias).

(Com aprovação eclesiástica)

Intenções do Papa para o mês de Maio de 2011

Intenções do Papa – Maio

Geral: Para que quantos trabalham nos meios de comunicação respeitem sempre a verdade, a solidariedade e a dignidade de cada pessoa.

Missionária: A fim de que o Senhor permita à Igreja que está na China, perseverar na fidelidade ao Evangelho e crescer na unidade.

Jornal "Avé Maria" - Nº 2608 (Semanário) - Vila Real - 1 de Maio de 2011


Beatificação de João Paulo II

Quanto morreu, em 2 de Abril de 2005, muitos pediram a sua canonização imediata – “Santo súbito!”. Bento XVI, dispensando dos cinco anos de espera exigidos, permitiu, em 9 de Maio, que o processo fosse logo iniciado. Quatro anos depois, a 19 de Dezembro, era promulgado o decreto sobre a heroicidade das suas virtudes e proclamado “venerável”.

O milagre exigido aconteceu com na freira francesa Maria Simon Pierre Normand, enfermeira, atingida pelo mal de Parkinson. No próprio dia em que pedia a exoneração de enfermeira, a Superiora aconselhou-a a recorrer a João Paulo II. As Irmãs já rezavam desde o mês de Maio. Nessa noite dormiu bem e, ao acordar (02.06.03), sentiu-se curada.

O reconhecimento do milagre foi publicado em 14 de Janeiro deste ano e marcada a beatificação para hoje [1 de Maio de 2011].

Temos, a partir de agora, a alegria de o poder venerar como Beato, o grande Pontífice João Paulo II.

*****

Diz a Sagrada Escritura:
«Cristo amou a Igreja e entregou-Se por Ela, para a santificar, purificando-a no Baptismo da água e pela palavra da vida, a fim de a apresentar a Si mesmo como Igreja gloriosa, sem mancha, nem ruga… mas santa e imaculada.» (Ef. 5, 25-27)

*****

Simão Pedro, irmão de André,
Tinha uma barca singela
E Jesus andava nela,
No Mar de Genezaré.

E Pedro sempre retoma
A barquinha que foi sua,
Quando um Papa o continua
No lugar que teve em Roma.

Também poderá gostar de ler sobre...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...