Os Magos

Três Reis Magos (1915) por Henry Siddons Mowbray (1858-1928).
A narrativa evangélica da visita dos magos evidencia um aspecto importante do mistério da Incarnação: Jesus não veio apenas para os judeus, mas para todos os povos. É esta a mensagem principal do texto de S. Mateus.

Mago é uma palavra grega que designa determinada casta de sábios, talvez astrólogos, da Babilónia. O texto diz que vieram do Oriente, portanto de terras estrangeiras, pagãos à procura do Messias para o adorar.

S. Mateus faz referência a profecias da Escritura, nomeadamente Isaías (60, 1-6), do Salmo 72 (10 e ss) que nos falam do alcance universal do nascimento de Cristo e dos presentes que reis Lhe oferecerão: ouro, incenso e mirra, como sinal de respeito e veneração.

A tradição acrescentou à narrativa outros pormenores: Tertuliano (séc. II) diz serem reis, Orígenes (séc. III) diz serem três, o séc. IX indica nomes e raças. Cristo veio para todos.

*****

Diz a Sagrada Escritura: «Vimos a sua estrela no oriente e viemos adorar o Senhor(Mt. 2, 2)

*****

Não Lhe faltaram afagos
Quer dos pais, quer dos pastores
Além dos ricos primores
Que lhe trouxeram os Reis Magos.

E Jesus estava bem,
Como em celeste consolo,
Aconchegado no colo
De Sua extremosa Mãe.

In Jornal “Avé Maria” (Semanário), 8.01.2012

Sem comentários:

Também poderá gostar de ler sobre...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...