Santa Maria, Mãe de Deus

Madona Willys, de Giovanni Bellini (1480-90)

Oito dias depois do Natal, recordamos a Mãe e A felicitamos pelo nascimento de seu filho. É a festa mais antiga de Nossa Senhora que o calendário propõe com o título de Santa Maria, Mãe de Deus, embora durante bastantes séculos tenha sido substituída pela recordação da circuncisão de Jesus que, segundo os costumes judaicos, se realizava oito dias depois do nascimento.

Desde Paulo VI, hoje é Dia Mundial da Paz e objecto dos festejos do início do novo ano.

Vale a pena, no meio das festas natalícias, olhar para Maria e contemplá-La com o seu Filho nos braços e alegramo-nos com Ela pela sua maternidade. O Filho que nos dá abre-nos o caminho da Vida, acompanha os seus discípulos, é estímulo e bênção para todos.

Que Santa Maria, Mãe de Deus e nossa, interceda por nós para que o Novo Ano seja feliz e abençoado.

*****

Diz a Sagrada Escritura: «O Senhor te abençoe e te guarde. O Senhor faça brilhar sobre ti a sua face e te favoreça. O Senhor volte para ti a sua face e te dê a paz.» (Nm. 6, 24-25)

*****

Ao ano agora acabado
Nem o louvo nem reprovo:
Porque o passado é passado
E hoje importa mais o novo.

Com certeza, o maior bem
É o tempo que ainda temos
E, por isso, nos convém
Que nunca o desperdicemos.

Jornal “Avé Maria” (Semanário), 1 de Janeiro de 2012

Sem comentários:

Também poderá gostar de ler sobre...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...